sexta-feira, 8 de maio de 2009

mãozinhas fuxicando

As crianças do 2º ano do Colégio Rainha da Paz estudam sobre a cultura brasileira. Nas aulas de arte, já exploramos o mapa brasileiro conhecendo um pouco das manifestações culturais de alguns lugares e pretendemos descobrir muito mais sobre o retrato da cultura brasileira. Juntando esse planejamento com o projeto Mãozinha Boa, começamos a fazer os tais fuxicos, que são uma forma de artesanato bem espalhada pelo Brasil todo. Alguns dizem que foram criados por escravas que aproveitavam restos de tecido para produzir mantas, toalhas e tapetes e que enquanto faziam isso ficavam fuxicando (fofocando, conversando, tirando um dedo de prosa). Mas a origem é incerta, como acontece com a maioria dos artesanatos da cultura popular, por serem conhecimentos que passam de geração para geração sem registros oficiais.
Fazer fuxico é bem simples e gostoso, tanto quanto uma boa conversa.
Esses pesos de porta foram feitos pelos alunos do 2º ano.Durante a aula, vários desafios. O primeiro foi colocar a linha na agulha. Depois de algumas dicas e várias tentativas, todos conseguiram. Alguns acharam muito fácil. Outros quase desistiram. Mas como tudo na vida a gente só aprende se for persistente...
Linha na agulha, o segundo desafio era dar o nó na ponta da linha (dupla para ficar mais firme). Esse só foi vencido por alguns. Para outros demos uma "mãozinha boa".
E finalmente, o alinhavo desenhando uma linha pontilhada no tecido. Na borda do círculo para a base do peso e com o círculo dobrado duas vezes para as pétalas da flor.

Dige a verdade: essa mãozinhas delicadas costurando não são uma graça?

É lógico que de vez enquando um dedo sai espetado, mas nada que não se cure com um beijo e antes de casar...

E diga outra verdade: os desafios e os dedos furados valem ou não valem a pena quando se vê a produção final?


5 comentários:

  1. É!!! Pri, esta sua forma de conduzir as aulas de arte... deveria ser multiplicada pelo mundo... Que vontade de ser sua aluna...Agora eu sei porque a Rô não sai dó ateliê!!!

    ResponderExcluir
  2. Oi!!amei teu trabalho, e minha filha também chamada de pri está querendo aprender a fazer fuxicos também, vai começar aprendendo com vc estas maravilhas!!! parabéns!! déia

    ResponderExcluir
  3. oi amiga
    descubri seu blog procurando como fazer fuxico achei seu blog maravilhos com trabalhos lindos
    sera que consigo aprender o probrema e encontrar tecido onde eu moro estou morando fora do brasil no canada entao já viu tudo e pago srsr ate um pedaço de tecido .
    beijos

    ResponderExcluir
  4. O problema do fuxico não é mesmo aprender (isto porque aprender é muito fácil). O problema é parar de fazer...
    Quanto ao material, eu quase nunca compro tecido. Uso retalhos, que aqui em São Paulo são bem fáceis de conseguir. Mas de vez em quando fico com pena de jogar uma roupa velha e com furos fora e os pedaços bons acabam virando fuxico. De repente essa é uma boa solução para seu problema. Para começar a aprender, quem sabe até uma camiseta velha sirva de material.
    Bjs

    ResponderExcluir